08.18 ~ Na Cadência da Bateria

CADÊNCIA DA BATERIA

O maior encontro de bandeiras de Niterói

CARNAVAL DE NITERÓI 2018

Alegria da Zona Norte - Campeã do Grupo A

CARNAVAL DE NITERÓI 2018

Experimenta da Ilha da Conceição - Campeão do Grupo B

CARNAVAL DE NITERÓI 2018

União da Engenhoca - Campeã do Grupo C

NA CADÊNCIA DA BATERIA 2018

O CARNAVAL DE NITERÓI PASSA AQUI

NA CADÊNCIA DA BATERIA

O maior acervo do Carnaval de Niterói

CADÊNCIA DA BATERIA

Carnaval de Niterói. Ontem e hoje!

.

.

quinta-feira, 30 de agosto de 2018

Unidos de Lucas inicia eliminatórias de sambas-enredo neste sábado

quinta-feira, 30 de agosto de 2018
A Unidos de Lucas inicia neste sábado, dia 1ª de Setembro, a disputa de sambas-enredo para o Carnaval 2019. O evento será na quadra da agremiação e terá início às 20h, antes da disputa haverá o tradicional show com todos os segmentos da escola, em seguida, os cinco sambas inscritos se apresentarão com duas passadas sem bateria e duas passadas com bateria.

Foto: Eduardo Hollanda

Com o enredo "Do Galo de Barcelos ao Galo de Ouro, Lucas conta uma história de fé e justiça", de autoria dos carnavalescos: Ney Junior, Walter Guilherme e Cristiano Plácido, a Vermelho e Ouro do bairro de Parada de Lucas, abrirá os desfiles da Série B na terça-feira de carnaval, no dia 5 de março na Estrada Intendente Magalhães. 

Confira os sambas concorrentes:

Samba 01 - Welington Mindu, Flavinho Bento, Jaílton Russo, Pestana, Bruno Serrinho, Rodrigo Medeiros, Guto Listo e Fábio Braga

Samba 02 - Waldir Basílio, Licínio Simpatia, Joca Amaral, Dom Mosquito, Lelei, Dário, Walnir Inspiração e Dr. Jorge Lucena

Samba 03 - Sidinho, Orelha, Luis Carlos, Felipe Cássio, Luisinho Coroa, Rosangela, Fogueira, Celso dos Tamancos, Renan e Sérgio Pinto

Samba 04 - M. Sheik, Ney do Pagode, Branco, Tinta Forte, André Kabala, Pelé Hostinho, Rosali Ahumada Carvalho e Robson Moratteli

Samba 05 - Jacopetti, Charles Silva, Di Menor, Beto Marçal, Cavanha, Marquinhos Valério, André Ricardo, Beiço Rosa e Fabinho do Caminhão

Serviço:

G.R.E.S. Unidos de Lucas
Eliminatórias de Sambas - Carnaval 2019
Data: 01/09/18
Horário: 20h
Entrada gratuita até às 21h, após, R$ 5,00
Mesa 4 pessoas: R$10,00
Local: Quadra do GRES Unidos de Lucas
Endereço: Rua Cordovil nº 333 em Parada de Lucas

Unidos da Ponte terá alas coreografadas em 2019

quinta-feira, 30 de agosto de 2018
Voltando para a Marquês de Sapucai no Carnaval 2019, a Unidos da Ponte apresentará alas coreografadas que serão comandadas pelo coreógrafo Adilson Lourenço. Com alguns prêmios no currículo, Adilson já passou por diversas escolas também com trabalhos em comissões de frente.

Premiado coreógrafo Adilson Lourenço será responsável pelas alas (foto divulgação)

Os principais trabalhos de Adilson em alas, foram na Unidos de Vila Isabel e Alegria da Zona Sul. Como coreógrafo de comissões de frente passou por Unidos do Cabuçu, Vizinha Faladeira, Engenho da Rainha, Em Cima da Hora, Unidos de Manguinhos entre outras. "O sonho de todo coreógrafo é trabalhar na Marquês de Sapucai e poder voltar para a Série A com uma escola de tradição como a Unidos da Ponte me deixa muito feliz. Minha equipe e eu estamos trabalhando muito para fazer bonito em 2019", contou, Adilson.

No carnaval 2018, Adilson Lourenço recebeu dois prêmios de melhor coreógrafo pela Vizinha Faladeira, além de outros prêmios na Intendente Magalhães. A Unidos da Ponte vai abrir os desfiles da Série A, na sexta-feira de carnaval em 2019, reeditando o enredo 'Oferendas'.

Estácio no ritmo do 'Despacito'

quinta-feira, 30 de agosto de 2018
Panamá e Brasil estarão reunidos no desfile de 2019 da Estácio de Sá através de um dos nomes mais celebrados e queridos da América Latina. Filha de uma brasileira e nascida no Panamá, Érika Ender aceitou o convite da primeira escola de samba do Brasil e vai ser destaque no desfile que celebrará a fé e devoção do povo panamenho ao Cristo Negro de Portobelo.

Érika Ender, artista panamenha e filha de uma brasileira, vai desfilar na vermelha e branca (foto Divulgação)
Símbolo pop, a cantora coleciona vários Grammy, Billboard, entre outros , além de ser jurada da premiação aos melhores artistas da música latinoamericana. No Brasil, seu hit Despacito foi cantado por artistas de diferentes segmentos e Roberto Carlos se rendeu ao talento, carisma e beleza da artista. Atualmente, a estrela da música pop latina, tem o seu mais novo hit “Dónde” - dueto com o grupo cubano Gente de Zona - , incorporando a trilha sonora da novela das 19h da Rede Globo de Televisão, O Tempo Não Pára. "Sempre sonhei em fazer parte do Carnaval do Ri ode Janeiro, pelo que significa para o mundo e pelo amor que tenho pela minha segunda terra, o Brasil. O mais bonito de ter a honra de ser escolhida como destaque e Embaixadora Cultural desta legendária escola de samba que é a Estácio de Sá, é representar, neste famoso carnaval, de alcance mundial, a terra que me viu nascer, o meu Panamá. Obrigada, do fundo do coração por essa homenagem que fazem a minha terra e pela oportunidade de abraçar ambos países que moram no meu coração, num mesmo momento. Para mim significa muito, porque sou daqui e sou de lá... Eu sou Brasil e sou Panamá", disse Érika através de suas redes sociais.

Com compromissos intensos que envolvem shows e o júri do Grammy latino, Érika Ender não confirmou presença na festa que vai eleger o samba-enredo que vai lustrar o desfile do tema “A fé que emerge das águas” no dia 15 de setembro. No entanto, a artista, que estará no Brasil em novembro, já programou visita ao barracão e, também, aos ensaios que a escola realiza semanalmente na quadra.

Em 2019, a Estácio de Sá será a terceira escola de samba a desfilar no sábado de Carnaval, 02 de março, disputando o título da Série A organizada pela Lierj com enredo que homenageará o Panamá através de um de seus maiores símbolos: o Cristo Negro.

Mestre Wesley realiza último ensaio de bateria antes das eliminatórias de samba na Mangueira

quinta-feira, 30 de agosto de 2018
Com a missão de conduzir a Bateria da Mangueira à nota máxima no Carnaval 2019, o Mestre Wesley ajustou os últimos detalhes com seus ritmistas antes da primeira eliminatória de samba-enredo na Verde e Rosa. O ensaio aconteceu nesta terça-feira, 28, no Palácio do Samba. "Nossos ritmistas estão de parabéns pelo empenho, pela dedicação. Tudo que pensamos no início do trabalho está sendo colocado em prática e tenho certeza que a tendência é melhorar ainda mais", declarou o mestre.

A eliminatória do próximo sábado será uma grande prova para o Mestre Wesley e seus comandados, que irão acompanhar todos os 16 sambas concorrentes ao hino oficial da Estação Primeira de Mangueira.

Wesley Assumpção, que é cria do morro de Mangueira, assumiu a bateria 'Tem Que Respeitar meu Tamborim' após o carnaval 2018 e segue para seu primeiro ano regendo o coração da Maior Escola de Samba do Planeta.

quarta-feira, 29 de agosto de 2018

Tradição entrega sinopse do enredo de 2019 aos compositores

quarta-feira, 29 de agosto de 2018
A Tradição apresentou na noite da última terça-feira, 28, a sinopse do enredo "Gira, baiana. Salve as mães do Samba!". Os compositores receberam o texto das mãos da direção de carnaval e participaram da explanação do tema com o carnavalesco Leandro Valente. Antes, porém, a presidente Raphaela Nascimento agradeceu a presença dos poetas, destacou a importância do enredo e do samba que irá representar as "mães do samba", ou seja, as baianas, as homenageadas da agremiação no próximo desfile. "Quero agradecer a presença de todos em nossa noite de apresentação da sinopse do enredo para o Carnaval 2019. Estamos confiantes em realizar um concurso de samba-enredo com grandes obras de forma transparente. Vamos fazer uma grande festa para escolhermos o nosso hino oficial em homenagem as nossas queridas mães do samba. Espero que a disputa seja feita de forma amigável entre as parcerias até a grande final que será no dia 8 de novembro. Desejo boa sorte aos nossos compositores", declarou a presidente Raphaela Nascimento. Na ocasião, foi servida uma deliciosa sopa aos poetas presentes.

Regulamento - O diretor da ala dos compositores, Alex Araújo, leu o regulamento e destacou algumas informações, ressaltando que nos dias 10 e 17 de setembro, a partir das 20 horas, haverá tira-dúvidas com a direção de carnaval. A entrega dos sambas está programada para o dia 29 de setembro, das 14 às 20 horas, na quadra da escola. Cada parceria deverá entregar três CDs e um pen-drive com o samba gravado, e 20 cópias impressas da letra. A taxa de inscrição será paga no ato.

Disputa - A apresentação dos sambas concorrentes ocorrerá no dia 4 de outubro, às 20 horas, quando também será comemorado o aniversário da agremiação. As eliminatórias serão realizadas, sempre às 20 horas, nas seguintes datas: 9, 16, 23 e 30 de outubro; 6 de novembro, reunião com os finalistas; e 8 de novembro, grande final. Nos dias de eliminatórias haverá o sorteio da ordem de apresentação dos sambas, às 21 horas, com a presença de um representante de cada parceria. O resultado dos sambas classificados será anunciado no mesmo dia da disputa. Em caso de empate entre duas composições, a decisão ficará sob a responsabilidade da presidente Raphaela Nascimento. Não será permitido o uso de fogos de artifícios nas eliminatórias de samba.

A quadra da Tradição está localizada na Estrada Intendente Magalhães, 160, no bairro do Campinho. A azul e branco será a quarta escola a desfilar na terça de Carnaval pela Série B, na Estrada Intendente Magalhães.
CONFIRA A SINOPSE DA TRADIÇÃO:

Enredo: "Gira, baiana. Salve as mães do samba!"

Minha mãe nasceu na Bahia.
Terra de todos os Santos e São Salvador
Vida sofrida, mas repleta de amor
Com seus quitutes alimentava quem mais precisava
Era um canto de acalanto e muita dor
Mãe negra, pobre e de bom coração
Saiu de sua terra por conta da exploração
Emigração era a única solução
Filhos de escravos não tem chance, não senhor!
Ou vai para a capital fazer faxina
Ou morre de fome sem nenhum valor
Mãe baiana no Rio de Janeiro aportou
Capital da república
Lugar de gente importante, patrão e feitor
Mas não veio só
Veio paramentada com o canto da senzala, o batuque da cozinha e o pano da Costa das yamis
Nas casas simples do centro da cidade
Mãe preta fazia seu batuque para contemplar seus orixás
Nós, netos de escravo, fazíamos samba para no rancho sambar
Antes era corso, depois cadência de rancho
Mas, a polícia não gostava não, meu senhor
Batuque era contra as leis de doutor
Gente graúda e fina que não nos aceitava
Arte excluída
Arte de gueto
Arte marginalizada
Mas, mãe preta sabia do nosso valor
E em noites de lua cheia saldava nosso fervor
Era samba de raiz e samba para preto se orgulhar
E na casa de mãe baiana, o batuque tinha seu lugar
Mas, a polícia batia
Querendo investigar
E caçava a gente
Para samba não sambar
Era então quando mãe baiana protegia todos nós
Dizia que era culto religioso
Era canto de uma só voz
Era saudação para os orixás, seu moço
Aqui não tem bagunça
A polícia ia embora
Mãe preta protetora
Salvou nossas vidas e de nossa memória
Memória de senzala
Memória de axé
Que deu origem ao batuque e partido alto, com as bênçãos do candomblé
Mãe também era tia
Tia também era mãe
Todos unidos numa só família
Em proteção de geração para geração
Mas, o tempo passou
E o samba ganhou seu lugar
Ah, seu moço
Como me orgulho em falar
Os ranchos viraram escolas de samba
E ganhamos as ruas para sambar
E não tinha como ter samba sem ter a mãe no altar
Nossa mãe do samba tinha que presente estar
Juntas, eram nossas defensoras
E agora a rua era nosso lugar
Fomos aplaudidos pelo povo
E arrastamos multidões
Nosso estandarte virou bandeira
Fundamos as agremiações
Mãe preta abençoou
E fomos fomos desfilar
Todos orgulhosos
O samba agora tinha seu lugar
O povo queria sambar
O tempo passou
A modernidade chegou
Mas, nunca deixamos de lembrar
Que mãe preta baiana é essência
Cultura popular
E que uma escola sem baiana
Não pode desfilar
Obrigado, senhor
Mãe baiana está viva
E nunca morrerá
De geração para geração elas não param de girar
E com o amor de uma grande mãe
Hoje, tem o seu lugar
A Tradição está de joelhos
Para essa história reverenciar Tú, mãezinha, és nosso enredo
Mães do samba: nosso aplausos!
Saravá!

terça-feira, 28 de agosto de 2018

Estácio de Sá corta quatro sambas e realiza mais uma eliminatória na sexta-feira

terça-feira, 28 de agosto de 2018
Realizada na última sexta-feira, a primeira eliminatória de sambas-enredo na quadra da Estácio de Sá foi recheada de expectativa para as onze parcerias que se inscreveram no concurso para eleger o hino oficial do Carnaval 2019, ano em que a vermelha e branca vai levar para a Marquês de Sapucaí, a fé e devoção do povo panamenho ao Cristo Negro da região de Portobelo, província do Panamá, país considerado o umbigo do mundo, por sua importância econômica em virtude do Canal que leva seu nome.
FOTO: DAYSE KING
Após uma noite intensa, quatro sambas deixaram a disputa que terá mais um capítulo na próxima sexta-feira, 31, a partir das 22h30 na quadra da escola. Em ordem ainda a ser definida, sete composições disputarão a permanência no concurso que terá sua grande final no dia 15 de setembro, sábado. São elas:

SAMBA 01 – ALEXANDRE NAVAL E CIA
SAMBA 03 – DANIEL GONZAGA E CIA
SAMBA 04 – JACY INSPIRAÇÃO E CIA
SAMBA 05 – WILSINHO PAZ E CIA
SAMBA 08- WALMIR DO CAVACO E CIA
SAMBA 09 – JORGE LOPES
SAMBA 11 – MOISÉS SANTIAGO E CIA

Empenhados em fazer uma grande apresentação, os compositores não estão medindo esforços para conquistar os segmentos e chegar até a final da disputa. Campeão em 2018, Alexandre Naval, que também é presidente da ala dos compositores e integrante da parceria do samba 01, considera a disputa deste ano, uma das mais equilibradas. "Estamos fazendo o trabalho de formiguinha, distribuindo a letra e pedindo que a comunidade ouça e vá torcer por nós. O enredo é muito forte e tivemos muito cuidado em fazer um samba que, como o carnavalesco pediu, tenha uma carga forte de emoção. A disputa vai ser dura, os sambas estão muito bons, diz o compositor".

A entrada do evento custa R$30, e a comunidade tem passe livre apresentando a carteirinha ou o recibo de inscrição das alas. Integrantes de escolas coirmãs, pagam meia entrada e a classificação é 18 anos. Bem localizada, a quadra da do GRES Estácio de Sá fica próxima a três estações de metrô ( Cidade Nova, Estácio e Praça XI) e em área onde circulam linhas de ônibus que fazem ligação com os principais bairros da cidade . Há facilidade de estacionamento no entorno e farta oferta de táxis no local. O endereço do Berço do Samba é rua Salvador de Sá, 206 – Cidade Nova.

Em 2019, a Estácio de Sá será a terceira escola a desfilar no sábado de Carnaval, 02 de março.

Serviço:
Eliminatórias de samba no GRES Estácio de Sá
Data: todas as sextas
Horário: a partir das 22h30
Valor: R$30 ; comunidade com carteirinha não paga entrada; comunidade de escolas coirmãs com carteirnha na validade R$15
Classificação: 18 anos
Endereço: Rua Salvador de Sá, 206 - Estácio

Engenho da Rainha anuncia nova rainha de bateria

terça-feira, 28 de agosto de 2018
A “Orquestra de Ouro”, bateria do Acadêmicos do Engenho da Rainha está com uma nova ocupante no posto de rainha. Escarlet, passista no Acadêmicos do Salgueiro e na Paraíso do Tuiuti, apesar de nova na idade, já tem uma trajetória de peso no mundo do samba. Desde pequena e seguindo o legado dos sambistas da família, a morena cresceu rápido com seu trabalho.

De princesa na Golfinhos da Guanabara passou por grandes escolas como Estácio de Sá e Mocidade Independente de Padre Miguel, mas foi no concurso Brasil Samba Congress, que ela adquiriu maturidade como pessoa e como sambista.

No dia 23 de setembro, Escarlet assumirá oficialmente o posto de rainha de bateria, com uma grande festa. Feliz e ansiosa, ela está contando os dias para iniciar o seu reinado.

Além deste evento a diretoria está preparando a disputa de samba enredo. A final está programada para ocorrer dia 14 de novembro.

Unidos de Bangu realiza semifinal de samba-enredo neste sábado

terça-feira, 28 de agosto de 2018
No próximo sábado, 01, a Unidos de Bangu conhecerá os sambas finalistas que irão concorrer ao hino oficial da escola para o Carnaval 2019, com o enredo 'Do ventre da terra, Raízes para o Mundo'. As dez parcerias inscritas irão se apresentar na Piscina do Bangu Atlético buscando uma vaga na decisão. Serão quatro passadas dos sambas, sendo uma sem bateria e três com bateria.

Confiante numa disputa sadia e que vai colocar a Vermelha e Branca da Zona Oeste no rol dos principais sambas-enredo de 2019, o presidente Thiago Oliveira exalta os compositores. "A disputa vai ser boa. Temos dez boas obras e eles irão se empenhar o máximo para fazer uma grande festa. Tenho certeza que será escolhido o melhor samba para representar nossa escola da Sapucai", disse o presidente, Thiago.

A semifinal da disputa de samba-enredo da Unidos de Bangu acontecerá neste sábado, 01, a partir das 20h, na Piscina do Bangu Atlético, Rua Francisco Real, 4550 em Bangu, Zona Oeste do Rio de Janeiro. Entrada liberada para as torcidas até às 21h29. A partir das 21h30, ingresso R$5. Mesas antecipadas R$ 10 e camarotes antecipados R$60. Informações pelo telefone (21) 96438-5464.

Confira as parcerias concorrentes:

- Jorge Barbosa e cia,
- Thiago Martins e cia,
- Marcio Oliveira e cia,
- Eli Penteado e cia,
- Samir Trindade e cia,
- Maurício do Boné e cia,
- Edinho Fortis e cia,
- Sobrinho e cia,
- Diego Nicolau e cia,
- Francisco Carlos.

Combinado do Amor prepara grande festa para escolha do seu hino e coroação da Rainha

terça-feira, 28 de agosto de 2018
A tradicionalíssima Combinado do Amor, mais antiga escola de Samba de Niterói, fundada em 1936, prepara uma grandiosa festa no próximo dia 7 de setembro, para conhecer o samba que o povão do Caramujo cantará na Rua da Conceição em 2019. Cinco parcerias participarão da disputa e uma delas vai representar o enredo "Vital o cientista do Brasil", homenagem ao centenário do instituto Vital Brasil. 

Rafaella Mell vai brilhar à frente dos ritmistas da Swing da Águia (foto divulgação)

Além do hino da escola, componentes e comunidade serão apresentados a nova Rainha da Bateria Swing da Águia, Rafaella Mell. "A expectativa é de uma festa muito bonita com muita alegria e emoção, com a presença dos meus familiares, amigos e a comunidade. Um evento pra deixar uma linda historia no Combinado do Amor. Estou muito feliz com todo esse carinho da comunidade comigo espero retribuir esse carinho com muita alegria e dedicação ao pavilhão", prometeu a Rainha Rafaella.

Atrações - A apresentação da Rainha está prevista para as 18h, mas bem antes, a partir das 13h, será servido um delicioso Angu à Baiana, e uma roda de samba vai animar os presentes. O novo primeiro casal de mestre sala e porta bandeira, Edmar Souza e Elisângela Alves, também serão apresentados durante o evento.

Um dos mais conhecidos casais da cidade, Elisângela e Edmar assumem a responsabilidade de defender o tradicional pavilhão azul e branco (foto divulgação)

Para o Diretor de Carnaval do Combinado do Amor, Paulinho Sants, quem comparecer ao Clube Fonseca no dia 7 vai poder conferir uma festa digna das tradições da escola. "Será outra grandiosa festa nos moldes que o Combinado do Amor vem realizando, várias atrações para os convidados, comunidade e admiradores da agremiação. Temos por obrigação dar alegria a quem comparecer a nosso evento esse é o dever do sambista. Como diz o nosso lema somos "TRADIÇÃO E SIMPATIA", convocou Paulinho.


A entrada para a final de samba do Combinado do Amor e Coroação da Rainha Rafaella Mell será gratuita e o Angu à Baiana custará R$10.

O Fonseca Atlético Clube fica na Alameda São Boaventura, 1042 no Fonseca - Niterói/RJ.

segunda-feira, 27 de agosto de 2018

Vila apresenta sambas concorrentes neste sábado

segunda-feira, 27 de agosto de 2018
A Unidos de Vila Isabel iniciará a sua disputa de samba-enredo no próximo sábado, dia 1º de setembro. As 18 parcerias inscritas se apresentarão com seus respectivos sambas no evento que começa às 20h. A entrada é franca até às 21h30. Após este horário, os preços são os seguintes: Pista - R$ 10; Mesa P/4 Pessoas - R$ 60; Camarote P/12 Pessoas - R$ 250.

Foto: Eduardo Hollanda

A quadra da agremiação fica no Boulevard 28 de setembro, 382, em Vila Isabel. Desenvolvido pelo carnavalesco Edson Pereira, o enredo '' Em nome do Pai, do Filho e dos Santos. A Vila canta a Cidade de Pedro'' será o tema do próximo desfile da escola. A agremiação do bairro de Noel Rosa será a segunda a pisar na Marquês de Sapucaí na segunda-feira de folia.

Confira os sambas concorrentes em ordem de apresentação:

1 - Arthur das Ferragens e Parceria
2 - Dunga de Vila Isabel e Parceria
3 - Lucio Naval e Parceria
4 - Dudu Mendes e Parceria
5 - Paulinho Direito e Parceria
6 - André Diniz e Parceria
7 - Kléber Cassino e Parceria
8 - Cláudio Paz
9 - Bebeto da Vila e Parceria
10 - Eduardo Katata e Parceria
11 - Thales Nunes e Parceria
12 - Marcelo Mendes e Parceria
13 - Iverson Mendes e Parceria
14 - Dinny da Vila e Parceria
15 - Marcelo Carvalho e Parceria
16 - Marcílio Rufino
17 - Wender Hora e Parceria
18 - Vaguinho e Parceria

Cubango já tem o hino de 2019

segunda-feira, 27 de agosto de 2018
A Acadêmicos do Cubango consagrou na madrugada deste domingo, dia 26 de agosto, a composição de Robson Ramos, Sardinha, Duda Tonon, Anderson Lemos, Ailtinho, Sérgio Careca, Carlão do Caranguejo e Samir Trindade como seu hino para o carnaval 2019. Outra duas parceiras também disputaram a finalíssima.

Fotos: Felipe Araujo



Diante da quadra lotada, componentes, comunidade e convidados acompanharam ainda a coroação da rainha de bateria, Maryanne Hipolito



Enredo - A escola busca o seu primeiro título da Série A e terá o desfile desenvolvido pelos carnavalescos Gabriel Haddad e Leonardo Bora, além de pesquisado por Vinicius Natal. O enredo é ''Igbá Cubango - a alma das coisas e a arte dos milagres''. A agremiação propõe um diálogo com a sua própria história. O pentacampeonato do carnaval de Niterói conquistado em 1979, com o lendário samba ''Afoxé'', foi dedicado ao ''ídolo menino'' Babalotim, objeto sagrado que ainda habita a quadra da rua Noronha Torrezão. As cabaças dos assentamentos, as figas, os abacaxis dos balangandãs, os amuletos indígenas, as carrancas, os ex-votos do catolicismo popular, tudo isso estará presente no carnaval da agremiação. O Cubango será a sexta escola a entrar na Avenida no sábado de folia.


Confira a letra e o áudio do samba do Acadêmicos do Cubango Carnaval 2019:


Compositores:
Robson Ramos, Sardinha, Duda Tonon, Anderson Lemos, Ailtinho, Sérgio Careca, Carlão do Caranguejo e Samir Trindade


VOU BUSCAR PRA MIM A FORÇA DO SEU AXÉ
MENINO BABALOTIM NO SAGRADO AFOXÉ
AOS PÉ DO MORRO FIZ O MEU TERREIRO
ONDE O PADROEIRO ME PROTEGE EM SEU ALTAR
ATOTO EU BATO CABEÇA PRA OMULU
NESSE CHÃO TEM PIPOCA PRO SANTO
OFERENDAS DO MEU MUNDO VERDE E BRANCO

E SARUÊ BAIANA, Ê SARUÊ BAIANA
GIRA LAGUIDIBÁ, GIRAM SAIAS E GUIAS
CARREGA MEU PATUÁ EM SUA SABEDORIA


BÚZIOS, CARRANCAS E BALANGANDÃS
RELÍQUIAS ILUMINAM MEU CAMINHO
AO MEU “PADIM”, EU AMARRO A MINHA FÉ
A CRUZ NO PEITO PRA ME ABENÇOAR
JÁ FIZ PROMESSA, O MILAGRE VAI CHEGAR
EM ROMARIA EU AGRADECI
DESACREDITADO, ACREDITEI
A CURA DA ALMA, O TERÇO NA MÃO
UM CORAÇÃO BORDADO AO DIVINO REI
SENHOR, TEM PIEDADE DE NÓS
EIS A ORAÇÃO EM NOSSA VOZ
TEM GENTE VENDENDO AO POVO ILUSÃO
ACENDO VELA, PEÇO SALVAÇÃO

KO SI OBA KAN ÔÔÔÔ
OFI OLORUM ÔÔÔÔ
IGBA CUBANGO, MEU AMULETO
PROTEÇÃO E AMOR

Confira a galeria de fotos da festa na Noronha Torrezão:
Fotos: Felipe Araujo

Justa e bela homenagem ao fundador, grande Ney Ferreira. O Eterno Presidente!
Tia Preta e suas Baianas. Ícone do carnaval da cidade
A sempre bela, Renata Cruz, passista do Cubango e musa do carnaval niteroiense.
 Marluci e as passistas do Cubango, show à parte


Mocidade tem agora sete sambas na disputa

segunda-feira, 27 de agosto de 2018
A Mocidade Independente realizou neste domingo, dia 26 de agosto, em sua quadra histórica da Vila Vintém, a sexta eliminatória de samba para o Carnaval 2019. Oito parcerias se apresentaram e sete continuam na disputa, que prossegue no próximo domingo. O evento contou ainda com um show dos segmentos da verde e branca e da coirmã Beija-Flor de Nilópolis.

Em 2019, a escola busca o seu sétimo título com o enredo ''Eu sou o Tempo. Tempo é vida''. O desfile terá o desenvolvimento do carnavalesco Alexandre Louzada. A grande final acontece no dia 22 de setembro. 

Confira a relação de sambas que permanecem na competição.

- J.Giovanni, Ricardo Simpatia, Gustavo Soares, Solano Santos, Jedir Brisa, Dudu Educar, G.Alves e Igor Vianna

- Jefinho Rodrigues, Diego Nicolau, Marquinho Índio, Jonas Marques, Richard Valença, Roni Pit Stop, Orlando Ambrosio, Cabeça do Ajax

- Elton Babu, Rafael Lima, Jorge Maia, Leandro Balinha, Jotinha, Wendel Couto, Guto Biral e Henrique Negão

- Domenil, Marcelo do Rap, Jairo Santos, Dr. Márcio, Professor Laranjo, Márcio Ribeiro, Rodrigo Motta e Fábio Arerê

- Jaci Campo Grande, Nito de Souza, Danilo Grande, Marcinho.com, Ronaldinho, Bruno Ferrari, Igor Bazilio e Aurélio Brito

- Denilson do Rozário, Léo Peres, Carlinhos da Chácara, Alex Saraiça, Marcelo Casa Nossa, Darlan Alves,Gui Cruz e Lula

- Cristiano Plácido, Rodrigo Medeiros, Bruno Serrinho, Jailton Russo, Pestana, Fabio Braga, Gilberto Monteiro e Mauro Dias



sexta-feira, 24 de agosto de 2018

Cubango divulga regras da final de samba-enredo

sexta-feira, 24 de agosto de 2018
A Acadêmicos do Cubango definiu, em reunião com os compositores na última quarta-feira, as regras da final de samba-enredo que acontece neste sábado, dia 25 de agosto, a partir das 21h. A ordem de apresentação das parcerias também foi sorteada. Cada obra será executada durante 30 minutos, destes, duas passadas sem a participação da bateria Ritmo Folgado.

Atrações - O evento terá a abertura com o Grupo Samba da Casa, e logo depois acontecerá a apresentação dos segmentos. A rainha de bateria Maryanne Hipólito será coroada na sequência, um pouco antes das parcerias finalistas subirem ao palco do ''Santuário do Samba''. 

Confira a ordem de apresentação:

Samba 8 - Gatto da Cubango, Dudu Oliveira, Chiquinho Inspiração, Rogerinho Pega Leve, Beth Mayer, Flavvio Matheus, Professor Renê
Samba 5 - Robson Ramos, Sardinha, Duda Tonon, Anderson Lemos, Ailtinho, Sérgio Careca, Carlão do Caranguejo e Samir Trindade
Samba 2 - Gabriel Martins, Bello, Junior Fionda, William Neves, D. Jairo e William Rodrigues

Ingressos - Os ingressos de cortesia doados pelos compositores são válidos até às 23h, após este horário, o valor é o mesmo que o cobrado para o restante do público durante toda a noite: R$ 5. Integrantes da escola e de outras agremiações, com carteirinha, não pagam ingresso. A quadra da Acadêmicos do Cubango fica na rua Noronha Torrezão, 560, Niterói.

Enredo - A escola busca o seu primeiro título da Série A e terá o desfile desenvolvido pelos carnavalescos Gabriel Haddad e Leonardo Bora, além de pesquisado por Vinicius Natal. O enredo é ''Igbá Cubango - a alma das coisas e a arte dos milagres''. A agremiação propõe um diálogo com a sua própria história. O pentacampeonato do carnaval de Niterói conquistado em 1979, com o lendário samba ''Afoxé'', foi dedicado ao ''ídolo menino'' Babalotim, objeto sagrado que ainda habita a quadra da rua Noronha Torrezão. As cabaças dos assentamentos, as figas, os abacaxis dos balangandãs, os amuletos indígenas, as carrancas, os ex-votos do catolicismo popular, tudo isso estará presente no carnaval da agremiação. A verde e branca será a sexta escola a desfilar no sábado de carnaval em 2019.

Diretora do grupo especial assume Ala de Passistas da Vila Santa Tereza

sexta-feira, 24 de agosto de 2018
A equipe de carnaval da Vila Santa Tereza ganhou mais um reforço para 2019. A Ala de Passistas da Águia de Rocha Miranda será comandada pela Jéssica Dias.

Experiente no carnaval do Rio de Janeiro, Jéssica também coordena as passistas do Império Serrano (foto: divulgação)

Jéssica está no carnaval há 15 anos, tendo começado na Império do Futuro, escola mirim do Império Serrado, em seguida desfilou pela Portela sob comando de Nilce Fran até retornar para o Império. "A Presidente Patrícia Drummond me fez o convite para somar com a Vila Santa Tereza e eu aceitei com muita felicidade. Pretendo formar uma ala forte com passistas da comunidade para balançar a Intendente quando a gente passar", disse Jéssica.

Jéssica Dias já foi apresentada para a comunidade durante a festa de coroação da Rainha de Bateria Carol Menezes que aconteceu no último sábado, 18. A Vila Santa Tereza será a 10 escola a desfilar na segunda-feira de carnaval em 2019, na Intendente Magalhães, com o enredo 'Sob um olhar negro: Valongo, a história de um cais'.

Estácio terá primeira eliminatória de sambas nesta sexta


sexta-24 de agosto de 2018
A sexta-feira será de puro agito na quadra da Estácio de Sá. Com 11 sambas inscritos na disputa que vai eleger o hino para o Carnaval de 2019, a escola fundada por Ismael Silva realiza sua primeira eliminatória do concurso nesta sexta-feira, 24, a partir das 22h30.

Antes do duelo dos compositores, quem comanda o samba é a Bateria Medalha de Ouro comandada por mestre Chuvisco e a voz potente de Serginho do Porto, que embala os segmentos em uma apresentação de tirar o fôlego. Baianas , Velha Guarda, Passistas e os casais de mestre-sala e porta-bandeira bailam ao som dos sambas que marcaram a história da agremiação para, em seguida, dar espaço aos compositores que subirão ao palco para defender suas obras na tentativa de chegar à grande final, no dia 15 de setembro.

Onze sambas se apresentarão ao longo da noite. Os poetas do Estácio convocam as torcidas para o duelo de versos cuja ordem de apresentação é a seguinte:
SAMBA 02 - MÁRCIO DIAS E CIA
SAMBA 10 – ODIMAR DO BANJO E CIA
SAMBA 11 – MOISÉS SANTIAGO E CIA
SAMBA 09 – JORGE LOPES
SAMBA 03 – DANIEL GONZAGA E CIA
SAMBA 01 – ALEXANDRE NAVAL E CIA
SAMBA 04 – JACY INSPIRAÇÃO E CIA
SAMBA 05 – WILSINHO PAZ E CIA
SAMBA 06 – THIAGO SOUZA E CIA
SAMBA 07 – CLAUDEMIR DA LOTAÇÃO E CIA
SAMBA 08 – WALMIR DO CAVACO E CIA

Para 2019, a vermelha e branca levará para a Marquês de Sapucaí o enredo A Fé que emerge das águas abordando a história de fé e devoção do povo panamenho ao Cristo Negro de Portobelo, no Panamá, sendo a terceira agremiação a desfilar no sábado de Carnaval, 02 de março.

A quadra da Estácio de Sá fica próxima a três estações de metrô ( Praça XI, Estácio e Cidade Nova), além de ser de fácil acesso para quem vem de outras regiões da cidade via ônibus. Há farta oferta de táxi no local e estacionamento no entorno. A entrada custa R$30 porém comunidade com carteirinha não paga entrada e componentes de escolas coirmãs com carteirinha dentro do prazo de validade pagam meia. A classificação é 16 anos. O endereço da quadra é rua Salvador de Sá, 206 – Estácio.

Serviço: Eliminatórias de samba no GRES Estácio de Sá
Data: todas as sextas
Horário: a partir das 22h30
Valor: R$30 ; comunidade com carteirinha não paga entrada; comunidade de escolas coirmãs com carteirnha na validade R$15
Classificação: 16 anos
Endereço: Rua Salvador de Sá, 206 - Estácio

segunda-feira, 20 de agosto de 2018

Cubango define finalistas

segunda-feira, 20 de agosto de 2018
O GRES Acadêmicos do Cubango definiu na última sexta-feira, 17 de agosto, os três sambas credenciados a participarem da finalíssima do próximo sábado, 25 de agosto, a partir das 22h, na quadra da Rua Noronha Torrezão.

(foto: Felipe Araújo | Ascom Cubango)

Confira os classificados:


Samba 2 - Gabriel Martins, Bello, Junior Fionda, William Neves, D. Jairo e William Rodrigues

Samba 5 - Robson Ramos, Sardinha, Duda Tonon, Anderson Lemos, Ailtinho, Sérgio Careca, Carlão do Caranguejo e Samir Trindade

Samba 8 - Gatto da Cubango, Dudu Oliveira, Chiquinho Inspiração, Rogerinho Pega Leve, Beth Mayer, Flavvio Matheus, Professor Renê

Mocidade segue com oito sambas na disputa

segunda-feira, 20 de agosto de 2018
A Mocidade Independente de Padre Miguel realizou no último domingo, dia 19 de agosto, em sua quadra história da Vila Vintém, a quinta eliminatória de samba para o Carnaval 2019. Nove parcerias se apresentaram e oito continuam na disputa, que prossegue no próximo domingo.

(foto: Eduardo Hollanda)

Em 2019, a escola busca o seu sétimo título com o enredo ''Eu sou o Tempo. Tempo é vida''. O desfile terá o desenvolvimento do carnavalesco Alexandre Louzada. A grande final acontece no dia 22 de setembro.

Confira a relação de sambas que permanecem na competição.


- J.Giovanni, Ricardo Simpatia, Gustavo Soares, Solano Santos, Jedir Brisa, Dudu Educar, G.Alves e Igor Vianna

- Trivella, Peixoto, Juca, Vaz, Caruso, Beto Moura, Dudu Precisão e Wemerson Calheiros

- Jefinho Rodrigues, Diego Nicolau, Marquinho Índio, Jonas Marques, Richard Valença, Roni Pit Stop, Orlando Ambrosio, Cabeça do Ajax

- Elton Babu, Rafael Lima, Jorge Maia, Leandro Balinha, Jotinha, Wendel Couto, Guto Biral e Henrique Negão

- Domenil, Marcelo do Rap, Jairo Santos, Dr. Márcio, Professor Laranjo, Márcio Ribeiro, Rodrigo Motta e Fábio Arerê

- Jaci Campo Grande, Nito de Souza, Danilo Grande, Marcinho.com, Ronaldinho, Bruno Ferrari, Igor Bazilio e Aurélio Brito

- Denilson do Rozário, Léo Peres, Carlinhos da Chácara, Alex Saraiça, Marcelo Casa Nossa, Darlan Alves,Gui Cruz e Lula

- Cristiano Plácido, Rodrigo Medeiros, Bruno Serrinho, Jailton Russo, Pestana, Fabio Braga, Gilberto Monteiro e Mauro Dias

Unidos da Tijuca abre a quadra para disputa dos sambas

segunda-feira, 20 de agosto de 2019
Na próxima quinta-feira, dia 23 de agosto, a quadra da Unidos da Tijuca terá o primeiro encontro em que serão apresentados os sambas concorrentes para o próximo carnaval. 

(foto divulgação)

A agremiação que elevará para a Avenida o enredo, “Cada macaco no seu galho. Ó, meu Pai, me dê o pão que eu não morro de fome!”, terá as disputas realizadas nas próximas quatro quintas-feiras e passado esse momento, o evento será realizado aos sábados. A grande final está prevista para meados de outubro. 

Serviço:
Disputa de Samba 2019
Data: de Agosto de 2018
Horário: 19h
Entrada para pista: Gratuita
Mesa: R$20,00(na bilheteria da quadra)
Local: Quadra da Unidos da Tijuca – Av. Francisco Bicalho, 47 – Leopoldina

Roda de Samba do Guerreiros de Jacarepaguá foi um show de animação

segunda-feira, 20 de agosto de 2018
Na tarde do último sábado sábado aconteceu na quadra do GRES Guerreiros de Jacarepaguá a primeira Roda de Samba Enredo. 

A festa foi conduzida pelo interprete Tiãozinho Cruz, na foto com Cid Carvalho, homenageado do enredo (foto: Cláudio Mello Cholodovskis)


Durante o evento aconteceu o "tira-dúvidas" com os compositores presentes, esclarecidas pelo Carnavalesco, Juninho Fala Sério, e pelo homenageado, Cid Carvalho.

Confira as fotos do evento.
Fotos: Cláudio Mello Cholodovskis









Tradição entrega sinopse no próximo dia 28

segunda-feira, 20 de agosto de 2018
A Tradição dará no próximo dia 28 de agosto, a partir das 20 horas, o pontapé inicial rumo ao Carnaval de 2019. 

A presidente Raphaela Nascimento apresentará a sinopse do enredo "Gira baianas. Salve as mães do Samba", que será desenvolvido pela comissão de carnaval formada por Samuel Gasman, Adenil Silva, Livinha Pessoa, Leandro Valente e Maurício Silva. 

Na ocasião, os compositores poderão tirar suas dúvidas pois será feita explanação sobre o tema. "Quero convidar os compositores para que estejam presentes com suas respectivas parcerias no próximo dia 28, para que possam conhecer a nossa sinopse e tirarem as dúvidas sobre o tema com a nossa comissão de carnaval. Faremos concurso de samba-enredo numa disputa transparente para escolhermos o hino oficial do nosso enredo para o Carnaval 2019. A Tradição quer apresentar um carnaval competitivo e brigar pelo título. Nosso trabalho já começou e agora quero contar com os nossos poetas para que usem suas inspirações para escreverem suas obras. Em breve irei divulgar o calendário de entrega dos sambas e das eliminatórias", destacou Raphaela Nascimento.

A quadra da Tradição está localizada na Estrada Intendente Magalhães, 160, no bairro do Campinho. A azul e branco será a quarta escola a desfilar na terça de Carnaval pela Série B, na Estrada Intendente Magalhães.

Tuninho Júnior é o novo intérprete da Vizinha Faladeira

segunda-feira, 20 de agosto de 2018
A Vizinha Faladeira, que conquistou o quarto lugar da Série B, aanunciou a contratação de Tuninho Júnior para assumir o microfone oficial da Pioneira para o Carnaval 2019. 

Nascido e criado no Rio de Janeiro, Tuninho Júnior começou a trajetória profissional com apenas dez anos, quando iniciou tocando cavaquinho. Já aos 13 anos, ele se tornou vocalista de um grupo de pagode formado por amigos. Integrou a banda de diversos músicos e artistas, como Mumuzinho.
Sua história no Carnaval começou em 2004, quando foi convidado para ser o intérprete da escola mirim Aprendizes do Salgueiro. Em 2010, por sua vez, o profissional passou a fazer parte do carro de som do Acadêmicos do Salgueiro, onde se tornou intérprete oficial em 2018. Tuninho também passou pelas agremiações Unidos do Cabuçu (intéprete oficial), Unidos de Lucas, Imperador do Ipiranga e Águia de Ouro (time de canto), além do Carnaval de Manaus, como intérprete oficial.

O novo contratado na última sexta-feira, dia 17 de agosto, durante a eliminatória de samba-enredo da Vizinha Faladeira.

Martinho da Vila será homenageado na Hebraica

segunda-feira, 20 de agosto de 2018
O cantor e compositor Martinho da Vila fez 80 anos este ano e é reconhecido como um dos maiores pesquisadores das origens da música brasileira e de festejos populares do Brasil. E por toda a sua contribuição para a cultura nacional, ele será homenageado no Prêmio Homens de Ação, Homens de Valor 2018, que vai acontecer no próximo dia 26 de agosto, no Teatro da Hebraica Rio, em Laranjeiras, a partir das 18h.

O evento, que acontece anualmente e premia nomes que fizeram a diferença na sociedade e se destacaram naquele ano, em 2018 terá outro nome conhecido do meio artístico: o ator e dramaturgo Miguel Falabella. Além deles, vão receber o prêmio Freddy Glatt, sobrevivente do holocausto; Fábio Beildeck, presidente da Comissão de Pais da Escola Eliezer Max; Rafael Cozer Antaki, presidente do Diretório de Pais TTH Barilan; Daniel Szwarcwald, presidente do Diretório de Pais do A. Liessin; Herry Rosenberg, presidente da Federação Israelita do Estado do Rio de Janeiro; Sami Leopold Goldstein, ativista comunitário; e Leon Rabinovitch, pesquisador da Fiocruz, que está há 55 anos na instituição, sendo pesquisador-titular, chefe de laboratório e vice-diretor; e Wilson Cukierman, diretor do Instituto de tecnologia ORT.

Essa é a nossa essência: premiar pessoas dos mais diversos segmentos que realmente têm um legado a ser seguido, indivíduos que fazem a diferença na sociedade”, pontua Luiz Mairovitch, presidente da Hebraica Rio.

O evento tem entrada franca e, após a entrega da premiação, um coquetel será servido para os presentes.

Serviço:
Homens de Ação, Homens de Valor 2018
26/08/2017, às 18h
Hebraica Rio – Rua das Laranjeiras, 346 – 7º andar
Entrada Franca
Traje passeio
Informações: 2557-4455.

quarta-feira, 15 de agosto de 2018

Lucas recebe inscrições de sambas concorrentes no domingo

quarta-feira, 15 de agosto de 2018
A Unidos de Lucas recebe no próximo domingo,19, as inscrições dos sambas concorrentes para o carnaval 2019, a entrega dos sambas será realizada das 12h às 18h, na quadra da escola, localizada na Rua Cordovil, 333 em Parada de Lucas. 

A final de samba-enredo já está agendada para dia 21 de outubro.

Com o enredo "Do Galo de Barcelos ao Galo de Ouro, Lucas conta uma história de fé e justiça", de autoria dos carnavalescos: Ney Junior, Walter Guilherme e Cristiano Plácido. 

A Vermelho e Ouro do bairro de Parada de Lucas, abrirá os desfiles da Série B na terça-feira de carnaval, no dia 5 de março na Estrada Intendente Magalhães.


REGULAMENTO DO CONCURSO DE SAMBA-ENREDO

OBJETIVO: Regulamentar todo o processo do concurso de samba-enredo, ditando as normas a serem cumpridas pelas parcerias inscritas, processo este que se iniciará com a distribuição da sinopse aos compositores e se encerrará com a gravação da obra vencedora em estúdio profissional.

Poderão participar todos os compositores que desejarem, inclusive de outros Estados da Federação, exceto os que estiverem cumprindo suspensão determinada pela diretoria.

PROIBIÇÕES:
1. Não será permitida a queima de fogos no interior da quadra, nem na parte externa onde houver aglomeração de pessoas e carros estacionados; devendo ainda os compositores participantes, cuidarem para não utilizarem em seus adereços de torcida, materiais que possam por em risco, de maneira intencional ou não, a integridade física de outrem;

2. Eventuais tumultos causados pela torcida de um determinado samba poderão acarretar no seu corte. Se o tumulto for causado por um dos parceiros, o corte será imediato;

3. O uso de drogas dentro da agremiação por qualquer compositor tendo sido visto e comprovado acarretará no corte do samba em que ele for um dos autores;

4. Somente será permitido o uso de qualquer tipo de bebida no interior da quadra, se tiver sido comercializada pela agremiação ou caso não tenha no bar da agremiação, que seja avisado com antecedência;

5. Por determinação do Juizado de Menores, somente será permitida a entrada na quadra de menores de idade devidamente acompanhados por seus responsáveis.

PARCERIAS:
1. Não haverá limite de parceiros por samba;

2. Não será aceita a inclusão de parceiros após a inscrição do samba.

ENTREGA DOS SAMBAS:
1. Os sambas serão entregues mediante a apresentação de 10 (dez) cópias da letra, juntamente com 1 (um) CD e o pagamento da taxa de R$ 100,00 reais por parceria; verba que será destinada a própria ala de compositores e utilizada em atividade de interesse da mesma, mediante aquiescência da direção da escola;

2. Após a inscrição é vedada alteração da letra original do samba, salvo em caso de interesse da agremiação, o não cumprimento de tal norma, será motivo de desclassificação da composição;

3. As parcerias serão responsáveis, por trazer seus cantores e músicos/cavaco (violão caso ache necessário), exceto o pedal que será executado por membro da bateria, determinado pela direção da mesma;

4. Nos dias de eliminatórias haverá o sorteio da ordem de apresentação dos sambas, às 21h e cada parceria, deverá ter um compositor/representante presente, em caso de ausência deste a parceria será colocada na ordem que for preterida por todos os outros compositores presentes.

SAMBA VENCEDOR:
1. A decisão da comissão julgadora (Presidência, Direção de Carnaval e Carnavalescos) é soberana e irrecorrível e cabe somente à ela a responsabilidade na escolha do samba vencedor;

2. Caso se faça necessário a Direção de Carnaval poderá alterar, corrigir, adaptar a letra e melodia ao samba vencedor para melhor atender as necessidades da escola.

Daniel Gonzaga lança documentário sobre a disputa de sambas de enredo na quadra da Estácio

quarta-feira, 15 de agosto de 2018
Produtor, cantor e compositor, Daniel Gonzaga vai lançar o documentário "Estácio de Sá - o Pavilhão do Amor" nesta quinta-feira, 16 de agosto, às 21h30, na quadra da Estácio de Sá. A data escolhida coincide com a inscrição dos sambas-enredo que disputarão o concurso para 2019.

(foto: Marcelo Moura)

Disputa - O Berço do Samba se prepara para o início de mais uma disputa de sambas em sua trajetória. Aguardando as surpresas que os compositores estão preparando para o concurso que vai eleger o hino com o qual vai desfilar no Carnaval 2019, a Estácio de Sá abre suas portas nesta quinta, 16, das 18h às 21h, para inscrever as obras que participarão do duelo de versos inspirado na sinopse do tema “A Fé que emerge das águas”. Após três semanas em que esteve disponível para tirar as possíveis dúvidas e orientar os compositores na montagem do samba, o carnavalesco Tarcísio Zanon confessa ansiedade no resultado das composições. "Este é um momento muito importante para a escola e feliz para os compositores. Apesar de saber que o investimento na disputa é alto, nossos poetas se esmeram neste período para trazer o que há de melhor para nossa escola e isto é revigorante. Aqui no Estácio, a disputa de sambas é recheada de amor ao pavilhão e, como eles mesmos dizem, não existe adversário, existe concorrente", comenta o carnavalesco.

Ideia - De olho na disputa e membro da ala de compositores desde 2015, Daniel Gonzaga (foto credito Luiz Eduardo) foi picado pelo bichinho do samba e, por conta de tantas emoções em seu primeiro ano de disputa, decidiu retratar este passo a passo e a mistura de sentimentos que envolve o período em um documentário que será exibido na quadra da escola pela primeira vez, no mesmo dia em que os poetas celebrarão o início de mais um concurso rumo ao sonho de ver sua obra cantada pelo maior coral popular do país no Sambódromo.

Registro - Produtor, cantor e compositor, Gonzaga iniciou os registros durante a leitura da sinopse do enredo “É, o moleque desceu o São Carlos, pegou um sonho e partiu com a Estácio”, em homenagem a Gonzaguinha. "Cheguei na Estácio em 2015 para participar da disputa do enredo em homenagem a são Jorge. Era um universo totalmente novo para mim e foi a partir desse olhar que decidimos fazer o documentário. É muita coisa junta, sensações, aprendizado, todos os sentimentos ao mesmo tempo e isto precisa ser mostrado. Não é um documentário feito sob a visão de um compositor de samba-enredo, é o olhar de um “haollie” que hoje tem uma tremenda honra de ser compositor da primeira escola de samba do Brasil", comenta Daniel.

Com 80 minutos de duração, “Estácio de Sá – o Pavilhão do Amor”, fala sobre a arte da disputa e tudo o que a envolve, desde a leitura da sinopse, as reuniões das parcerias, a movimentação da quadra, chegando ao resultado e tudo o que vem depois até a aflição da apuração. "A gente acha que o sofrimento acaba no resultado, mas ele só muda. Agora, se você me perguntar se quero passar por tudo isso de novo, te respondo, sem dúvidas, sem pestanejar, é claro que sim!" , brinca ele que vai participar da disputa deste ano.

A inscrição dos sambas poderá ser feita entre as 18h e 21h na quadra da escola e o documentário será exibido às 21h30. As regras para quem quiser participar do concurso na Estácio de Sá estão no site da escola www.gresestaciodesa. com.br

Em 2019, a Estácio de Sá será a terceira escola a desfilar na Marquês de Sapucaí, no sábado de Carnaval, 2019.

Sobre o documentário

Dirigido por Daniel Gonzaga e Julio Freire, o documentário Estácio de Sá - O Pavilhão do Amor, fala sobre a arte de disputar um samba.

Mostra o caminho percorrido por uma escola de samba, desde a apresentação da sinopse até o momento da apuração, fatos que passam desconhecidos do grande público. A quadra, o barracão, a emoção da final e o dia a dia da organização. Mas fala, principalmente, sobre o GRES Estácio de Sá, a primeira escola de samba do Brasil.

A película tem depoimentos de pessoas envolvidas direta ou indiretamente na disputa e mostra algumas cenas que ficarão marcadas na memória do Berço do Samba como imagens de Peninha, mestre-sala e o amor da locutora Marlene Povão à escola.

Produzido por Moleque Produções e Biblioteca de Ritmos, o documentário mostra, antes de mais nada, o que é o Pavilhão do Amor.

Guerreiros de Jacarepaguá terá apresentação de passistas candidatas à Rainha da Ala

quarta-feira, 15 de agosto de 2018
Neste sábado, 18/08, a partir das 16h, a Caçulinha da Zona Oeste - que desfilará na Série E, no Sábado das Campeãs - realizará sua Roda de Samba-Enredo, onde Tiãozinho Cruz, o Intérprete Guerreiro, receberá consagrados cantores do mundo do samba.

Durante o evento haverá a apresentação das candidatas do "Concurso de Rainha das Passistas" que irá definir a vaga de terceira Musa da agremiação. Neste concurso só poderão participar as passistas da escola que já estiverem inscritas no "Projeto Sambando Com Quem Samba - By Cris Alves"

As interessadas em participar do Projeto devem entrar em contato pelo telefone (21) 98270-7959.

Durante o evento, ainda ocorrerá o primeiro “Tira-dúvidas” com os compositores. A entrada é franca e o estacionamento custa apenas R$10,00. A quadra do GRES Guerreiros de Jacarepaguá fica no Sítio Recanto Verde - Estrada do Gabinal 597 – Freguesia - Jacarepaguá.

Mocidade altera dia de seus ensaios de rua

quarta-feira, 15 de agosto de 2018
A sintonia entre diretoria e comunidade vem sendo um dos pontos altos da Mocidade Independente de Padre Miguel nos últimos anos. 

Atendendo pedidos de seus componentes (Foto: Eduardo Hollanda) 

Sempre que uma definição que influenciará diretamente no cotidiano dos integrantes da escola está em pauta, há consultas às lideranças de setores e estes retornam com o posicionamento dos componentes. Baseando-se nisso, a hexacampeã do carnaval carioca decidiu que mudará o dia de seus ensaios de rua. Agora os treinos de rua acontecerão todos os domingos, no final da tarde.

"Consultamos muitos de nossos componentes, as lideranças de segmentos, e chegamos a conclusão que cerca de 80% das pessoas pediram o retorno dos ensaios de rua para os domingos. Não pensamos duas vezes antes de acatar esse pedido. É algo que precisamos ter em mente para melhor atender a todos e buscar uma escola cada vez mais unida e disposta a evoluir nos quesitos técnicos", esclareceu o vice-presidente da Mocidade, Rodrigo Pacheco.

Já para Marquinho Marino, diretor de carnaval da agremiação, a troca possibilita mais conforto e tranquilidade para uma grande parcela dos componentes das alas de comunidade. "Ensaiando nas noites de segunda nós tinhamos que lidar com alguns problemas de horários e mobilidade na cidade. Por isso era complicado começar os ensaios mais cedo, como era a vontade de todos. Muitos de nossos componentes trabalham no Centro da cidade, na Zona Sul ou Zona Norte. Saem de lá por volta das 18h. Então ficava praticamente impossível que eles fossem em casa, jantassem com calma e se trocassem para vir ao ensaio e chegar antes das 21h. Aos domingos não teremos esse problema em larga escala, já que grande parte das pessoas está de folga. Acho que será importante também por ser mais uma opção de lazer para os moradores dos bairros próximos" - afirmou.

O local dos ensaios não sofrerá alteração, segue a Praça Guilherme da Silveira como ponto de concentração e início, e o encerramento continua na quadra histórica da Mocidade, sempre com grande festa. Em 2019, a escola busca o seu sétimo título com o enredo ''Eu sou o Tempo. Tempo é vida''. O desfile terá o desenvolvimento do carnavalesco Alexandre Louzada e a Mocidade será a última a desfilar no Grupo Especial.

Cubango define finalistas nesta sexta-feira

quarta-feira, 15 de agosto de 2018
A Acadêmicos do Cubango realiza nesta sexta, dia 17 de agosto, a semifinal da eliminatória de samba-enredo rumo ao Carnaval 2019. Cinco sambas permanecem no concurso que definirá o hino do enredo ''Igbá Cubango - a alma das coisas e a arte dos milagres''.

Fotos: Felipe Araújo

 O evento começa às 22h e a entrada é franca. O camarote para seis pessoas custa R$ 60. Haverá também apresentação dos segmentos da escola. 

Confira os sambas que seguem na disputa:

- Samba 2 - Gabriel Martins, Bello, Junior Fionda, William Neves, D. Jairo e William Rodrigues
- Samba 3 - Gegê Fernandes
- Samba 5 - Robson Ramos, Sardinha, Duda Tonon, Anderson Lemos, Ailtinho, Sérgio Careca, Carlão do Caranguejo e Samir Trindade
- Samba 8 - Gatto da Cubango, Dudu Oliveira, Chiquinho Inspiração, Rogerinho Pega Leve, Beth Mayer, Flavvio Matheus, Professor Renê
- Samba 6 - JJ Thompson, Ari Diniz e PC do Samba

A quadra da Acadêmicos do Cubango fica na rua Noronha Torrezão, 560, em Niterói. A escola busca o seu primeiro título da Série A e terá o desfile desenvolvido pelos carnavalescos Gabriel Haddad e Leonardo Bora, além de pesquisado por Vinicius Natal.

Arrastão de Cascadura, contará com experiência de Barbara Marcelle

quarta-feira, 15 de agosto de 2018
A Porta-bandeira Barbara Marcelle que defendeu o pavilhão do Arrastão de Cascadura em 2011 e 2012, será a responsável por ensaiar o primeiro Casal de MS&PB, Cassiane Figueiredo e Paulo Henrique e apresentá-los no desfile oficial.

Barbara Marcelle dará amplo apoio aos casais da escola (foto divulgação | Ascom Arrastão de Cascadura)


Bárbara também terá a responsabilidade, através do seu ateliê, de confeccionar as roupas do primeiro e segundo casal da escola. "Estou muito feliz com essa nova fase na minha vida, e agradeço ao Presidente Armênio pelo convite e pela confiança”, disse Barbara.

O G.R.E.S. Arrastão de Cascadura, desfilará pela série E, no dia 09/03/2019, com o enredo “Casca D’ouro” que está sendo desenvolvido pelo Carnavalesco Sandro Gomes.

terça-feira, 14 de agosto de 2018

Alegria da Zona Sul divulga áudios e letras dos sambas concorrentes

A Alegria da Zona Sul divulgou no último final de semana os sambas que vão concorrer a hino da escola para 2019.

Uma das obras representará o enredo "Saravá, Umbanda!" criada pelo diretor artístico Rodrigo Meiners que será desenvolvido pelo carnavalesco Marco Antonio Falleiros.

A vermelho e branco propõe uma grande celebração de fé através das sagradas tradições da Umbanda, apresentando ao mundo um ato desmistificador desta religião genuinamente brasileira, e que, há mais de um século traz as mensagens de aruanda para este plano físico onde habitamos. 



Confira a letra é áudio dos sambas concorrentes:



Compositores: Pixulé, James Bernardes, Diego Nascimento, Tiganá, Fabiano Paiva, Gilmar Nogueira, Douglas Ribeiro, Diogo Moreira, Cesar Ouro e Carlinhos Ousadia

Intérpretes: Pixulé e Tiganá



Salve o rito de fé
Arruda e guiné exalam no terreiro
Juremê, Jurema abre a gira iaiá
Defuma com as ervas de Oxalá
Num toco velho a sabedoria
Sob o olhar de um menino 
Muita história pra contar
Chapéu de palha
A bengala e o cachimbo
A luz e a pureza
Que sustentam o altar

Serenô, la nas matas serenô
Nas terras onde canta o sabiá
Ele é filho do vento, é caçador
Flecha certeira
Que protege o meu gongá

É meia noite
E o galo já cantou
Laroyê donos da rua
Moujubá filhos da lua
Com uma rosa no cabelo
E a magia no olhar
Deixa a cigana rodar
E as suas cartas jogar
Deixa a cigana dançar
O povo de aruanda
Vem mostrar o seu valor
Umbanda é paz e amor!
Oni beijada, salve o povo do mar
Adorei as almas, Yurimá
E fecho a gira com Deus
E Nossa Senhora
Samborê, Pemba de Angola

Iluaiê, saravá
Deixa a água rolar
Do alto da pedreira
A Alegria não é de brincadeira 
Firma o ponto nesse chão, incendeia
Firma o ponto nesse chão, incendeia

----------------------------------------------------------------------------------------------------------
Compositores: Márcio André, Neyzinho do Cavaco, Lopita 77, Ribeirinho, Elson Ramires, Beto Rocha, Telmo Augusto, Fábio Xavier, China, Girão e Samir Trindade

Intérpretes: Diego Nicolau e Tem Tem Jr.



Peço licença a Deus pai e Maria 
Todos os Santos e guias
Ao pisar no sagrado canzuá
Vejo o braseiro, iluminar o congá

Preto Véio chegou na roda
Vem de Aruanda, Pemba de Angola

Vovô falou da força das sete linhas
Também contou de mistérios e magias
Ê caboclo curandeiro, Ê caboclo
Laroyê rei da madrugada 
Prepara o abô
Marabô, na encruzilhada

Roda cigana, moça formosa
É tão bonita que parece uma rosa 

Vem chegando a Ibeijada
O amanhã nos olhos da criançada 
Água de lavar, benzer , purificar
Marinheiro, marinheiro Iemanjá 
Seguindo pelas bandas, com muita fé
Nessa quimbanda, axé
Abre caminhos, samborê, sambô rô kô
Somos irmãos, Umbanda é amor
Olha gira girô, olha gira girar
Canta pra subir, vamos saudar

Saravá, Alegria Saravá
Saravá meu povo
Saravá pai Oxalá

----------------------------------------------------------------------------------------------------------
Compositores: Thiago Meiners, Diego Tavares, Claudio Mattos, André Kaballa, Pelé, Thiago Sousa, Solano Santos, Jorginho Moreira, Marcelão da Ilha e Marco Moreno

Intérpretes: Tinga e Zé Paulo



As almas acenderam o candeeiro
Recebo a luz do mundo inteiro
O altar está iluminado, ouço o tambor sagrado
Sinto as ervas do braseiro
Vem de Aruanda, a cura e a verdade
A responsabilidade pelas mãos das sete linhas
Ê caboclo, traz da Jurema toda a sabedoria
Okê caboclo, okê
A falange da floresta hoje irá te proteger

Clareia o congá, clareia o congá
Com seu rosário, vai rezando ave maria
Ô viva as almas, viva a deus, viva meu pai
Quem caminha com esse velho só balança mas não cai

Laroyê Exu, me guia na madrugada
De saia rodada, cigana traz sorte e magia
O povo de rua na encruzilhada
O futuro na Ibeijada, Marinheiro e Ondina
Vou ofertar rosas brancas para o mal purificar
Me banhar nas águas de Iemanjá
O amor, a caridade e o perdão 
Um clamor por tolerância
Sou filho de Umbanda, mantendo acesa a chama
Da fé na força da esperança 

Saravá, alegria vai cantar
Com as bênçãos de Oxalá
Abre a gira no terreiro
Leva a mensagem de paz
Ogã ressoa o seu toque mandingueiro

Beija-Flor abre inscrições para alas de comunidade

terça-feira,14 de agosto de 2018
A Beija-Flor de Nilópolis já abriu inscrições aos interessados em integrar suas alas de comunidade no Carnaval 2019. Os cadastros acontecem duas vezes por semana. Toda segunda-feira, das 20h às 22h, na quadra da agremiação. E toda quarta-feira, no barracão, de 20h às 22h. É necessário levar duas fotos 3x4, xérox do comprovante de residência, do RG e do CPF. 

O diretor de carnaval da agremiação, Válber Frutuoso, reforçou a importância dos componentes realizarem a inscrição o quanto antes. (foto: Eduardo Hollanda)

"A Beija-Flor se fortalece a cada ano e o trabalho já está a todo vapor. A participação dos integrantes das alas de comunidade é indispensável. Sem eles, não podemos pensar em disputar o bicampeonato. A nossa comunidade é uma marca do carnaval e isso não muda! Precisamos dela já na disputa de samba. Esse auxílio na disputa é primordial", afirmou o diretor de carnaval.

A quadra da Deusa da Passarela fica na rua Pracinha Wallace Paes Leme, 1025, em Nilópolis. Já o barracão fica na Cidade do Samba, rua Rivadávia Correa, 60, Gamboa. Em 2019, a atual campeã do carnaval será a quinta escola a desfilar no domingo de carnaval com o enredo ''Quem não viu, vai ver... As Fábulas do Beija-Flor'', que será desenvolvido pela comissão de carnaval formada por Cid Carvalho, Bianca Behrands, Victor Santos, Léo Mídia e Rodrigo Pacheco.
← Postagens mais recentes Postagens mais antigas → Página inicial

Na Cadência da Bateria

Na Cadência da Bateria
Carnaval de Niterói é na Cadência

Aconteceu na Avenida

Aconteceu na Avenida
O editor do blog, Luiz Eugenio, entrevistando o intérprete Willian no Carnaval 2008

Musa da Cadência 2013

Musa da Cadência 2013
Danúbia Gisela, a madrinha da bateria do GRES Tá Mole mas é Meu

Momentos do Carnaval 2013

Momentos do Carnaval 2013
Jéssica. Porta-bandeira do Experimenta da Ilha

Explosão da Folia

Explosão da Folia

Folia e Souza. Campeãs 2015

Folia e Souza. Campeãs 2015